• (31) 3476-3131 · (31) 2511-2121
  • contato@contabilidademontesiao.com.br

ABRI MINHA EMPRESA E AGORA?

Este post é para você, que tem pouco tempo que abriu sua empresa e não sabe como dar o segundo passo, ou mesmo para aqueles que pensam em abrir uma empresa seja MEI, ME, EPP E EI e EIRELI (se quer saber a diferença, acesse aqui). Entrevistamos o especialista em Registro e Legalização de Empresas, Davi Geraldo de Melo que já deixa uma dica para aqueles que querem ser futuros empresários: “Para ser um empresário deve-se sempre estabelecer metas, o que eu quero que a minha empresa seja daqui uns dois anos? Pois a maioria das empresas,  em média 40%,  encerra suas atividades em um período de 05 anos por falta de planejamento”. Tenho certeza que você não quer está entre os 40%, não é mesmo? Então fique atento as dicas do especialista:


PLANEJE: A primeira coisa que deve preceder a qualquer ação é o planejamento, pois segundo Davi, quem planeja antecipa o futuro da empresa e projeta caminhos a seguir. O empresário deve “definir rumos, preparar a empresa para vencer as condições adversas ao combinar, adequadamente, os recursos para produzir competitividade necessária, traçar metas a serem  alcançados em busca dos lucros desejados”.


ORGANIZE SUA ROTINA: Quando se abre uma empresa é necessário pensar em como o empresário deve agir, como irá trabalhar, gerenciar, acompanhar e cumprir todo o planejamento. Davi afirma que o empresário deve “implantar e acompanhar indicadores de gestão e desempenho, treinar e capacitar” a si mesmo e sua equipe. Também deve estar atento para “monitorar metas e procedimentos, desde a entrega do produto do fornecedor até ao pós-venda”. É nesse momento, que segundo Davi o profissional saberá se o cliente foi bem atendido em todas as etapas do processo.

TENHA UM CONTADOR: Na rotina do empresário, ele precisa prestar conta para o governo, que assim como ele possui direitos e deveres, por isso, seracompanhado por um bom contador é fundamental”. Ele explica essa necessidade “devido a tanta burocracia, e a tanta diversidade de obrigações acessórias, bem como guias mensais, anuais, declarações mensais e anuais, taxas, impostos diversos, municipais estaduais e federais”. Além disso, ele mostra a importância da consultoria que o contador poderá lhe oferecer na “tomada de decisão quanto a gestão do seu negócio e à sua lucratividade”.

TENHA TODA A DOCUMENTAÇÃO DA SUA EMPRESA: Você deve se perguntar: Quais são os documentos que preciso ter? O especialista em Registro e Legalização de Empresas fez uma lista para você conferir se estão todos providenciados e guardados.

  • Alvará de localização e funcionamento (ALF);

  • Alvará sanitário ( escolas, alimentação, academias);

  • Caderneta sanitária (quando manusear alimentos);

  • Alvará de placas publicitárias (CADEP);

  • Alvará de mesas e cadeiras (geralmente bares e restaurantes quando usam as calçadas);

  • Licença do Instituto Estadual de Floresta (IEF) - serviços que envolvem exploração florestal;

  • Cartão do Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica (CNPJ);

  • Ficha de Inscrição Cadastral (FIC);

  • Cartão de Inscrição Estadual.

OLHE PARA O CONCORRENTE: Depois de traçar suas metas, estudar o concorrente é a coisa mais importante após a abertura da empresa. Segundo Davi existem dois tipos de concorrentes: direto e indireto. “Direto é aquele que fornece produtos iguais ao seu ou com poucas diferenças. Indireto é aquele que compete com você o bolso do cliente, com outros produtos similares ou até mesmo com produtos substitutos”.

Por isso, as dicas são: Faça pesquisa de mercado; Tenha excelência no atendimento; Tenha um bom relacionamento com os fornecedores; Pontualidade nos pagamentos e assim que possível, capacite os seus funcionários.

MUDAR DE RAMO OU FECHAR AS PORTAS: Essa é uma questão difícil e deve ser analisada em conjunto com o seu contador.  Davi afirma que são muitos os fatores que levam o fechamento de uma empresa: “fatores internos, podem levar uma empresa ao fechamento das portas, a falta de conhecimento do mercado, leis e burocracias do sistema tributário, despreparo do empresário e de sua equipe de trabalho”. Leia a matéria sobre 3 Atitudes que levam o fracasso do empresário.

Para ele, antes de fechar as portas você também poderá verificar com “o seu contador se há possibilidades de mudar de ramo”, e se não tiver outra opção dar baixa na empresa.

Gostou das dicas? Fique atento a mais informações na sala do empreendedor, lá você encontra matérias com os experts em finanças, contabilidade, assessoria e consultoria para sua empresa. A Contabilidade Monte Sião oferece profissionais qualificados para orientar você nessa trajetória. Se tiver outras dúvidas entre em contato com o Departamento de Registro e Legalização de Empresa, por e-mail ou telefone .

Contabilidade Monte Sião

registro@contabilidademontesiao.com.br

Telefone: (31) 3476-3131

Matéria produzida por Raquel Siqueira